www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Polícia
14/05/2015 - 16:40
Polícia prendeu acusado de tentar pagar compras com notas falsas em supermercado
Foto: H.N
Hora da Notícia
Gilmar Ferreira Lima, 39 anos foi preso na madrugada do último dia 13 de maio acusado de tentar efetuar o pagamento de compras no Super Mercado Veratti, localizado na Avenida José Ferreira da Costa no valor de cerca de R$ 100,00 com notas falsas. Ele tentou pagar pelas compras com cinco notas de R$ 20,00, porém a operadora do caixa identificou que as notas eram falsas e não as devolveu para o autor. Ela informou para o mesmo que as notas seriam encaminhadas para a delegacia de polícia, com as notas retidas Gilmar deixou o local em uma motocicleta com placa adulterada de acordo com o B.O (Boletim de Ocorrência).
 
Depois da ocorrência registrada os policiais de plantão efetuaram diligência com o objetivo de encontrar tanto a motocicleta quanto o autor. O acusado foi preso usando a moto por volta das 02 horas do último dia 14 de maio em frente ao mesmo supermercado. Preso o acusado informou aos policiais que não agia sozinho, tinha um comparsa, Wagner da Conceição Bispo, 22 anos morador em uma residência localizada na Rua Silvestre de Castro. Na residência do suspeito foram encontrados dois cachimbos usados para fumar droga e três pedras de crack.
 
Os policiais depois de uma pesquisa no sistema aliado ao trabalho de investigação descobriram que Gilmar usava a moto com placa adulterada. A placa original seria NVR 8337, mas circulava com a placa NVR 8387 de Alto Araguaia/MT. O veículo foi apreendido.
 
O delegado titular de Costa Rica, Cleverson Alves dos Santos informou que os dois estavam presos acusados de tráfico de drogas, mas foram beneficiados com a liberdade condicional. Ainda de acordo com o delegado eles já estavam sendo investigados depois que notas falsas foram depositadas em um banco da cidade e recusadas.
 
As cinco notas foram apreendidas e a polícia abriu procedimento e está investigando o crime.
 


É permitida a reprodução do conteúdo desta página desde que seja citada a fonte, Hora da Notícia. Todos os direitos reservados.
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 


   
Previdência: reforma corta pensão por morte pela metade e prejudica os cônjuges
    
   
Reforma da Previdência:
    
   
    
   
José Edson Narciso

Salve, Salve pra você

Neste dia tão especial. O Hora da Notícia deseja&...

    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS