www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Eventos
10/06/2015 - 09:34
O Projeto Florestinha vai trabalhar a consciência ambiental de crianças e adolescentes, 60 PMAs mirim estão matriculados
Foto: Hora da Notícia
Hora da Noticia
Alunos do “Projeto Florestinha”
Alunos do “Projeto Florestinha”
A PMA (Polícia Militar Ambiental) deu inicio na última terça-feira (09) as ações referentes ao “Projeto Florestinha” estruturado e criado pela força policial em Costa Rica/MS. O projeto vai receber crianças com idade entre sete anos e adolescentes com idade até 14 anos. O evento aconteceu no pátio em frente à na sede da PMA e reuniu policiais civis, militares, pais e familiares dos 60 alunos (PMAs mirins) estão matriculados no projeto.
 
O Subcomandante da PMA,o subnente Marcílio informou ao Hora da Notícia que o projeto foi desenvolvido pela Comissão Temática de Saúde, Segurança e Proteção Ambiental. De acordo com ele o objetivo é promover a sensibilização ambiental nas crianças para que elas colaborarem com o meio ambiente no Município.
 
Ainda de acordo com o policial a principal meta é a formação do “Batalhão Ambiental Mirim” formado pelas 60 crianças e adolescentes de 07 a 14 anos.  Os alunos participam da iniciativa três vezes por semana em dois turnos, nos horários das 07 às 10 horas e das 13 às 16 horas, afirmou o comandante. Ele agradeceu  aos pais dos jovens pela confiança depositada na PMA e no projeto.
 
A iniciativa e uma parceria entre a PMA, a Empresa Odebrecht Agroindustrial e Prefeitura em conjunto com a Secretaria de Assistência Social e CONSEG (Conselho Municipal de Segurança). O valor total do investimento foi de R$ 395.083,00, sendo que R$ 138.961,00 é dinheiro da prefeitura, R$ 115.122,00 da Odebrecht Agroindustrial e R$ 126.000,00 do CONSEG.
 
“Cuidar do meio ambiente, conservar a natureza  e regatar a disciplina e o respeito”, esse é o objetivo do projeto Florestinha, disse o policial ambiental, André  Faustino, instrutor da corporação ao Hora da Notícia.
 
“Esse é um importante  projeto que vai ampliar a consciência ambiental  e resgatar a disciplina dos alunos”, disse o prefeito, Waldeli Rosa, (PR).
 
O superintendente do Polo Taquari da empresa Odebrecht, Luiz Paulo Sant’Anna, afirmou que o Município precisava de um projeto  voltado para o “sócio ambiental” uma vez que a cidade é cercada de parques ecológicos e unidades de conservação ambiental. “Oferecemos a essas crianças e adolescentes uma forma de inclusão social, o projeto veio de encontro com nossos desejos”, disse o superintendente ao Hora da Notícia.
 
O comandante da força policial informou que recebeu móveis novos para a estruturação física da sede da PMA e um veículo de apoio que será  caracterizado para ser usado na fiscalização na região dos Municípios de Chapadão do Sul, Figueirão, Paraíso das Águas, Alcinópolis e Costa Rica.
 
“Esse projeto veio em boa hora, assim ele não fica na rua, estou gostando muito e ele também”, assim a mãe do aluno, João Henrique de oito anos, Elaine Cristiane, 33 anos definiu a iniciativa.
         
         
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
Previdência: reforma corta pensão por morte pela metade e prejudica os cônjuges
    
   
Reforma da Previdência:
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS