www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Política
07/12/2017 - 08:16
Com 13º e vencimentos do mês de dezembro, Governo Municipal vai injetar mais de R$ 3,8 milhões na economia de Costa Rica
Foto: H.N

O Governo Municipal vai injetar mais de R$ 3.800.00,00 milhões na economia de Costa Rica – MS até o dia 22 de dezembro de 2017. O montante é referente aos vencimentos do mês de dezembro dos cerca de mil servidores públicos municipais.

“O objetivo é permitir que o servidor possa passar um fim de ano com mais conforto e também planejar o início do próximo ano com mais tranquilidade, já com dinheiro no bolso. Adiantar o pagamento não vai custar nada para a Prefeitura, que já tem esse dinheiro em caixa e vai ajudar muito o servidor. Então, por que não fazer?”, enfatizou o prefeito Waldeli dos Santos Rosa.

Segundo o secretário de Administração, Finanças, Planejamento, Receita e Controle, Paulo Renato Andriani, nesta sexta-feira (08) será depositado o 13º, e no próximo dia 22 será pago o salário do mês e as férias dos mais de 90% dos servidores. “Esse é o compromisso do prefeito Waldeli em manter os pagamentos e as contas em dia”, enfatizou o gestor ao lembrar que as férias coletivas é uma ação que têm surtido efeito na gestão fiscal.

Enquanto vários municípios não conseguem se quer pagar a folha em dia, em Costa Rica o Governo Municipal além de honrar seus compromissos financeiros, ainda paga adiantado. “Uma informação importante a ser elencada é que todos os servidores, que optaram por receber metade do 13º no mês de junho, vão receber agora em dezembro o restante já com desconto dos impostos”, complementou o chefe do Departamento Pessoal José Paulino. 

“Temos uma gestão fiscal de excelência e isso reflete diretamente na economia da nossa cidade, logo no desenvolvimento. Conseguimos pagar todas as nossas contas em dia e isso faz com que o comércio faça investimentos seguros. Pagamos nossa folha em dia e o resultado reflete diretamente na população, pois contamos com servidores que trabalham motivados para servir bem a sociedade”, finalizou Waldeli.

ASSECOM/PMCR

    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
A rebelião dos juízes
    
   
O Estado de São Paulo
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS