www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Eventos
15/05/2018 - 13:04
Caminhada do Maio Amarelo reuniu população em prol da conscientização no trânsito
No último sábado, 12, aconteceu a Caminhada do Maio Amarelo em Chapadão do Sul. A ação partiu às 8h da Praça de Eventos e foi até a Rua Dois. “Nós Somos o Trânsito”: esse é o slogan da Campanha 2018 do Maio Amarelo, que visa conscientizar toda população sobre a atenção necessária no trânsito.
 
A Ação foi promovida pela Prefeitura de Chapadão do Sul, através do Demutran e da Secretaria de Educação em parceria com a Polícia Militar, Detran-MS, Patrulha Mirim e Rotary Club.
 
A Participação da população foi importante para o sucesso deste evento que já está sendo tradicional todos os anos no município.  
 
Maio Amarelo 
 
Assim como em 2017, o tema de 2018 propõe o envolvimento direto da sociedade nas ações e propõe uma reflexão sobre uma nova forma de encarar a mobilidade. Trata-se de um estímulo a todos os condutores, seja de caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas ou bicicletas, e aos pedestres e passageiros, a optarem por um trânsito mais seguro.
 
Outra importante ação realizada pelo Demutran no Maio Amarelo é a sinalização horizontal e vertical próximo das Escolas e CEI’s de Chapadão do Sul, que será refeita durante todo o Maio Amarelo.
 
Além disso, serão realizadas outras diversas ações durante o mês, como as blitz que acontecerão na cidade durante a próxima semana. 
 
De acordo com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, os acidentes não acontecem, mas sim são frutos de escolhas inadequadas e arriscadas. Para José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO e idealizador do Movimento Maio Amarelo, 90% dos acidentes têm como motivação as falhas humanas como imperícia, imprudência e desatenção. “Somos os responsáveis pelos nossos atos no trânsito e ter consciência clara disso é um dos caminhos para a reversão do triste cenário não só do Brasil, mas de todo o mundo”, ressalta.
Assessoria PMCS
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
Crise levou chefes de família ao desalento’, diz economista
    
   
Lincoln Secco
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS