www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Política
16/05/2018 - 06:07
Resende diz que Miglioli é ‘inexperiente’ e desmente nome fechado para Senado
Foto: Reprodução
Midiamax
Diferente do que afirmou o ex-secretário de Obras do Estado, Marcelo Miglioli (PSDB), nesta manhã, a disputa interna do partido tucano para a escolha do candidato ao Senado da República parece ainda estar em aberto. Deputado federal interessado na vaga, Geraldo Resende (PSDB) rebateu o ex-secretário, afirmando que Miglioli é “inexperiente” politicamente e não tem “traquejo”.
 
Mais cedo, durante agenda pública em Campo Grande, Miglioli afirmou que “o pré-candidato ao Senado pelo PSDB sou eu”. O ex-secretário afirmou que grupo tucano já definiu a escolha e que, inclusive, a segunda vaga ao Senado seria destinada à coligação, provavelmente a Nelsinho Trad (PTB).
 
Descontente com a declaração do colega de partido, Geraldo Resende afirmou ao Jornal Midiamax que faz parte da direção do PSDB e que a escolha de Miglioli em “nenhum momento” foi discutida.
 
“Não sei de onde ele tirou essa decisão. O nome dele não está definido, a não ser que sejam reuniões entre quatro paredes e esse não foi o compromisso do governador. O partido tem nomes específicos, a gente precisa de construir isso, uma candidatura de baixo para cima”, afirmou Resende.
 
Ainda segundo o deputado, a escolha para a disputa ao Senado precisa estar baseada, principalmente, em uma figura que tenha “lastro popular, que já foi testada em eleições consecutivas”, como é o caso do deputado.
 
Questionado sobre o motivo da fala de Miglioli, Geraldo não poupou críticas ao colega. “Me causou muita estranheza essa declaração, talvez seja pela inexperiência política e falta de traquejo do ex-secretário”, disparou Resende.
 
A decisão final sobre a disputa ao Senado só deve sair após a convenção do partido, no final do mês de julho.
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
Crise levou chefes de família ao desalento’, diz economista
    
   
Lincoln Secco
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS