Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Economia
01/06/2018 - 08:37
Após o encerramento da greve autoridades firmam acordo com donos de posto para baixarem os preços dos combustíveis
Foto: Divulgação
Hora da Notícia
Reunião com autoridades e empresários
Reunião com autoridades e empresários
Os lideres do protesto de caminhoneiros que encerrou no último dia 30 de maio denunciaram a suspeita da existência de cartel (combinação de preços) formado pelos donos de posto de combustíveis em Costa Rica/MS. Foi firmado um acordo entre o representante do ministério público estadual, George Cássio Abud e os empresários donos de postos de combustíveis da cidade no último dia 30 limitando o lucro em 15% sobre o álcool, 13% sobre a gasolina e 10% sobre o óleo diesel. O acordo vale por 60 dias.
 
O acordo teve a participação do diretor do Procon local, Walder Freitas e o delegado de polícia civil, Alexandro Mendes de Araújo. O policial disse ao Hora da Notícia que a ação conjunta beneficie a sociedade de Costa Rica e deve acabar com a discrepância nos preços de combustíveis praticados pelos donos de postos da região.
 
A medida passara a valer a partir de de hoje, 1º  de junho de 2018.
 
Os caminhoneiros denunciaram ainda que, havia pessoas abastecendo os veículos por volta das duas da madrugada do último dia 29 de maio nos postos em Costa Rica com a gasolina comercializada ao valor de R$ 5,05 o litro assim chegando até R$ 9.90, “enquanto isso nós aqui parados lutando por melhorias”.
 
Eles disseram ainda que os preços praticados em Costa Rica são mais caros 0,60 centavos em relação a Chapadão do Sul, distante cerca de 60 Km de Costa Rica “acreditamos que exista um cartel de preços nos quatro postos de combustíveis, isso não se justifica”, disseram os motoristas.
 
Os motoristas foram categóricos em afirmar: “nós caminheiros não abastecemos aqui em Costa Rica”. 
 
O Hora da Notícia apurou que existe uma denúncia,  está sendo investigada pelo Procon local de suspeita da prática de cartel pelos donos de postos de combustível. 


É permitida a reprodução do conteúdo desta página desde que seja citada a fonte, Hora da Notícia. Todos os direitos reservados.
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
A irmandade dos falsos cegos
    
   
Por Benedicto Ismael Camargo Dutra

    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS