www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Polícia
07/10/2019 - 08:14
Pai de PM que matou mulher a tiros na frente do filho tentou desarmá-lo
Foto: Reprodução
Campo Grande News
Lúcio, policial militar, ao lado da esposa, Regianni, morta a tiros pelo ele na noite de sábado
Lúcio, policial militar, ao lado da esposa, Regianni, morta a tiros pelo ele na noite de sábado
O pai do policial militar Lúcio Roberto Queiroz da Silva, de 36 anos, tentou impedir que o filho atirasse contra a esposa, Regianni Araújo, de 32 anos, morta dentro da casa dos sogros, na noite de ontem (5). O crime aconteceu em Paranaíba, a 422 quilômetros de Campo Grande.
Além da mulher, o corretor de imóveis Fernando Henrique Freitas, de 31 anos, também morreu após ser baleado pelo PM. 
 
Segundo o site JP News, a Polícia Civil revelou que o pai do policial teria tentado desarmar o filho antes dele atirar contra a esposa, mas sem sucesso. A mulher estava deitada no sofá da casa e estaria na companhia do filho, de apenas 6 anos.
 
Conforme apurado pelo Campo Grande News, equipe da Força Tática da Polícia Militar foi acionada na noite de ontem, após cerca de 5 disparos terem sido efetuados em uma residência da Rua Oswaldo Silva Brandão, onde Fernando morava.
 
A primeira vítima foi encontrada caída no chão de um dos quartos do imóvel. No local, a equipe ainda soube que o suspeito teria chegado com a arma em mãos e apenas avisado familiares do corretor que entraria no local.
 
Testemunhas informaram ainda que o homem havia saído do endereço rumo a sua residência, onde atiraria contra sua própria esposa. Em deslocamento até ao local, os policiais descobriram que cerca de 9 tiros haviam sido disparados em uma casa localizada na Rua Barão do Rio Branco.
 
No local, os militares encontraram a mulher deitada no sofá da residência, sem sinais vitais. Os tiros atingiram a costela da vítima. As reais motivações serão apuradas, mas a suspeita é de que o autor tenha recebido prints de conversas trocadas entre as duas vítimas. Após matar a esposa, Lúcio fugiu e, até o momento, não foi localizado. A arma usada no crime foi deixado no local com o cartucho descarregado
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
Previdência: reforma corta pensão por morte pela metade e prejudica os cônjuges
    
   
Reforma da Previdência:
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS