www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Política
11/02/2020 - 22:01
Gerson Claro assume liderança de Reinaldo pronto para pautas ‘nem sempre populares’
Foto: Reprodução
Campo Grande News
O deputado estadual Gerson Claro (PP) assumiu a liderança do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. O fazer o anúncio durante a sessão desta terça-feira (11), o parlamentar destacou que precisará defender as pautas ‘nem sempre populares’ do gestor tucano. Eduardo Rocha (MDB) assume a vice-liderança.
 
“É uma missão que vamos procurar desempenhar em alto nível, para continuar mantendo as contas em dia. É um ano de líder e recebo como missão de fazer a defesa. Nem sempre são pautas populares”, comentou.
 
O anúncio foi feito somente uma semana após o retorno do recesso. O problema na sua indicação, segundo fontes do próprio Governo, é que o parlamentar não estaria disposto a sacrificar, em defesa dos projetos polêmicos de Reinaldo, sua imagem já desgastada.
 
Preso durante a deflagração da Operação Antivírus, deflagrada em agosto de 2017, ele é réu com outras 17 pessoas em processo iniciado com denúncia do Gaeco sobre escândalos de corrupção no período em que estava à frente do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).
 
Sem Ordem do Dia nesta terça, os deputados discutem a composição dos blocos para este ano. Barbosinha (DEM) anunciou que deixaria a missão na semana passada.
 
A explicação dada posteriormente apenas por Reinaldo Azambuja durante agenda foi de que o parlamentar deverá ser candidato à Prefeitura de Dourados neste ano.
 
Durante 2019, Barbosinha enfrentou desgaste com o descontentamento dos servidores públicos e aumento de impostos como o Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviária de MS) enquanto líder do governo. Na primeira gestão de Reinaldo, Rinaldo Modesto assumiu o papel pelos 4 anos 
 
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 


   
Previdência: reforma corta pensão por morte pela metade e prejudica os cônjuges
    
   
Ramiro Piergentile Neto
Direito de Opinar
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   horadanoticia[email protected]   |   Costa Rica - MS