www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Política
20/02/2020 - 09:22
Governo edita decreto para atualizar alíquotas de ICMS sobre combustíveis
Foto: Henrique Kawaminami
Campo Grande News
O governo estadual editou decreto que regulamenta o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para atualizar as novas alíquotas sobre gasolina e etanol, vigentes desde o último dia 12 deste mês.
 
Junto com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), o titular da Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda), Felipe Mattos, assina o decreto publicado na edição desta quinta-feira (20) do Diário Oficial do Estado.
 
Consultado, Mattos disse que a publicação apenas atualiza o regulamento do ICMS, em alinhamento à lei aprovada no ano passado, que ajustou as alíquotas do imposto sobre a gasolina (de 25% para 30%) e o etanol (de 25% para 20%).
 
O decreto entra em vigor hoje, mas produz efeitos a partir de 12 de fevereiro.
 
Alteração - O governo propôs as mudanças nos percentuais de ICMS incidentes sobre combustíveis com o objetivo de estimular o consumo de etanol.
 
Mato Grosso do Sul é o segundo maior produtor de etanol do Brasil, atrás apenas de Goiás.
 
Conforme a Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul), a indústria sucroenergética do Estado é formada por 19 unidades. Todas elas produzem etanol hidratado, onze processam etanol anidro e dez fabricam açúcar.
 
Após as alterações, a previsão do Sinpetro-MS (Sindicato dos Postos de Combustíveis de Lubrificantes de Mato Grosso do Sul) era de que o preço médio da gasolina passasse para R$ 4,48 em Campo Grande. Já o álcool deveria recuar para R$ 3,44.
 
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 


   
IBGE dá início à pesquisa sobre a Covid-19 com entrevistas por telefone
    
   
Ramiro Piergentile Neto
Direito de Opinar
    
   
    
   
Marquinho Galvão

Mais um ano se passou! um ano de alegria e companheirismo!! O prazer da sua amizade, honra t...

    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   horadanoticiaredacao@hotmail.com   |   Costa Rica - MS