www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Polícia
21/11/2021 - 10:43
OCOP: com mais viaturas nas ruas, aumentam as apreensões de armas de fogo em Campo Grande
Foto: Divulgação
Desde o lançamento, em 12 de julho deste ano, o Programa OCOP – Obtenção de Capacidade Operacional Plena tem apresentado resultados positivos em Campo Grande. O grande número de viaturas circulando nas ruas, em virtude da setorização da Capital, tem reduzido significativamente o tempo resposta ao atendimento das ocorrências.
 
A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul lançou o OCOP no intuito de modernizar a prestação de serviços à comunidade, otimizando os recursos humanos e materiais. Para tanto, a Capital foi dividida em trinta e oito subsetores, com disponibilização de até duas viaturas por localidade.
 
Consequentemente, com alguns meses de funcionamento, o programa inovador vem apresentando resultados que denotam e eficácia e eficiência da PMMS no atendimento à população. Se compararmos com o mesmo período do ano passado, de janeiro a outubro com o ano de 2021, no tocante ao número de armas de fogo apreendidas, tivemos um aumento de 20% no número de apreensões, saltando de 138 armas em 2020 para 166 armas em 2021.
 
Ao compararmos os dados estatísticos desde o início do OCOP, de julho a outubro de 2021, houve um aumento de 14% no número de apreensões de armas de fogo na Capital. Da mesma forma, aumentou em 18% o número de foragidos da justiça presos (de 463 para 550), ou seja, com o incremento no policiamento preventivo, mais viaturas e policiais militares nas ruas, o número de abordagens é maior, fazendo com que a PMMS consiga se antecipar ao crime, tirando de circulação autores de delitos, foragidos da justiça, bem como armas de fogo.
 
Tudo isso é reflexo dos altos investimentos realizados pelo Governo do Estado no campo da Segurança Pública em Campo Grande e região Metropolitana. A Polícia Militar zela pelo cidadão e pela proteção à sociedade, buscando inovações para garantir a segurança e a paz social em Mato Grosso do Sul.
 
Comunicação PMMS
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 
   
Alta da gasolina pesa, e inflação oficial fica em 0,87% em agosto, maior taxa para o mês desde 2000
    
   
Paulo Corrêa, presidente da Assembleia Legislativa
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   [email protected]   |   Costa Rica - MS